Slimstat plugin de estatísticas do WP

Depois de procurar muito por uma ferramenta de estatísticas para o WordPress, cheguei ao Slimstat, um plugin muito completo com gráficos, filtros e ferramentas bem interessantes.

 

Fica a dica então dessa ótima ferramenta.

Anúncios

Configurando Bind9 no Debian do zero

Depois de consultar vários tutoriais de como configurar um DNS no Linux, cheguei ao meu próprio manual para instalação desse cara, vou descrever sucintamente, até porque é bem simples de se fazer.
Vamos lá…

Primeira coisa é instalar o serviço:
apt-get update
apt-get install bind9

Após isso nós vamos adicionar a zona, que é por quais domínios o seu DNS responderá, para isso vamos editar o arquivo:
vim /etc/bind/named.conf.default-zones

E adicionar o seguinte texto ao final do arquivo:

zone "seudominio.com.br" {
type master;
file "/etc/bind/db.seudominio.com.br";
};

Agora nós vamos criar o arquivo que terá todas as configurações do DNS:
Temos que criar um arquivo chamado db.seudominio.com.br, o qual é referenciado no arquivo named.conf.default-zones, tem que ter seu caminho completo especificado senão não irá funcionar:
Nós vamos utilizar um arquivo base para configurá-lo que é o db.empty
cp /etc/bind/db.empty /etc/bind/db.seudominio.com.br
cat /etc/bind/db.empty

; BIND reverse data file for empty rfc1918 zone
;
; DO NOT EDIT THIS FILE - it is used for multiple zones.
; Instead, copy it, edit named.conf, and use that copy.
;
$TTL 86400
@ IN SOA localhost. root.localhost. (
1 ; Serial
604800 ; Refresh
86400 ; Retry
2419200 ; Expire
86400 ) ; Negative Cache TTL
;
@ IN NS localhost.

O meu ficou assim:
vim /etc/bind/db.seudominio.com.br

; BIND reverse data file for empty rfc1918 zone
;
; DO NOT EDIT THIS FILE - it is used for multiple zones.
; Instead, copy it, edit named.conf, and use that copy.
;
$TTL 86400
@ IN SOA seudominio.com.br. root.seudominio.com.br. (
1 ; Serial
604800 ; Refresh
86400 ; Retry
2419200 ; Expire
86400 ) ; Negative Cache TTL
;
@ IN NS localhost.
www IN A 192.168.X.X
ftp IN A 192.168.X.X

Onde 192.168.X.X vai ser o IP do seus servidores que podem ser outras máquinas.

Temos também que colocar o nosso DNS no resolv.conf para que responda por ele mesmo:
vim /etc/resolv.conf
nameserver 192.168.X.X

Agora vamos testar o nosso DNS:

Vamos reiniciar o serviço do Bind9
/etc/init.d/bind9 restart

E agora verificar se a zona esta respondendo:

#named-checkzone www /etc/bind/db.seudominio.com.br
zone www/IN: loaded serial 1
OK
#host seudominio.com.br

E por último ping para seu domínio.

Se tudo correr bem seu DNS esta definitivamente funcionando, agora é só adicionar outros hosts e serviços para que ele possa resolver os nomes.
Espero que tenha ajudado e qualquer coisa é só comentar.