Samba 3.5.6 e LDAP no Debian 7

Um amigo estava com problemas no Samba 3.6.6 + LDAP no Debian 7.
Após quebrarmos as nossas cabeças para saber porque dava erro na hora de mapear a unidade com um usuário LDAP, que tinha mais de um grupo e que não pertencia aquele domínio, descobrimos que a versão do Samba estava influenciando no erro. Então decidimos realizar o downgrade do Samba.
Este tutorial servirá acredito eu para qualquer outra situação que você necessiti de tal recurso.

Vamos lá:
1° – iremos retirar os pacotes do pacote atual:
apt-get remove samba
E assim por diante conforme as dependências forem aparecendo.

2° – colocaremos no sources.list os repositórios que contenham a versão do pacote desejado:

## Repositorio do Debian Squezee
deb http://ftp.br.debian.org/debian/ squeeze main
deb-src http://ftp.br.debian.org/debian/ squeeze main

deb http://security.debian.org/ squeeze/updates main
deb-src http://security.debian.org/ squeeze/updates main

# squeeze-updates, previously known as 'volatile'
deb http://ftp.br.debian.org/debian/ squeeze-updates main
deb-src http://ftp.br.debian.org/debian/ squeeze-updates main

3° – atualizaremos a lista de repositórios:
apt-get update

4° – vamos procurar agora os pacotes desejados, mas da seguinte maneira:
apt-cache showpkg samba
2:3.5.6~dfsg-3squeeze11 (/var/lib/apt/lists/ftp.br.debian.org_debian_dists_squeeze_main_binary-i386_Packages) (/var/lib/apt/lists/security.debian.org_dists_squeeze_updates_main_binary-i386_Packages)
Ele irá lhe mostrar todas as versões existentes do pacote.

5° – instalaremos o pacote específico através da versão desejada, no meu caso o samba 3.5.6:
apt-get install samba=2:3.5.6~dfsg-3squeeze11

Observação:
Isso será aplicado a todas as dependências, no caso do samba vai a lista aí em baixo:

apt-get install libwbclient0=2:3.5.6~dfsg-3squeeze11
apt-get install samba-common=2:3.5.6~dfsg-3squeeze11
apt-get install samba=2:3.5.6~dfsg-3squeeze11
apt-get install smbclient=2:3.5.6~dfsg-3squeeze11
apt-get install samba-common-bin=2:3.5.6~dfsg-3squeeze11

Espero que seja útil um dia.
Abraços

Configurando WAKE ON LAN no Debian

O que aconteceria se um dia você precisasse religar uma máquina que você nao tem acesso físico?
Uma das soluções para esse problema é o recurso Wake on Lan(WOL) das atuais placas de rede(juntamente com a placa mãe).

Este recurso permite que quando a máquina desligue a placa de rede fique em estado como de hibernação, respondendo só a um pacote chamado MagicPacket. Para isso tudo funcionar necessário 2 programas:
wakeonlan <== Para enviar o magicpacket a placa de rede(mac addr).
ethtool <== Para iniciar o modulo WOL na placa de rede.

Instalando os programas

$ apt-get install wakeonlan ethtool

Iniciando o modulo WOL na placa de rede

Substitua X pela sua placa de rede que deseja ativar o modulo:
$ ethtool -s ethX wol g

Para verificar se o modulo está ativo execute o seguinte comando:
$ ethtool ethX

As 4 linhas finais deve apresentar algo semelhante a isso:

Supports Wake-on: g <===
Wake-on: g <===
Current message level: 0x00000007 (7)
Link detected: yes

Caso apareça “d” ao invés de “g” o recurso nao é suportado pela sua placa de rede.

Para assegurar que a placa de rede não seja desligada ao desligar/rebootar (entre em modo de “hibernação”):
Substitua a linha do arquivo /etc/init.d/halt
"halt -d -f -i $netdown $poweroff $hddown" (ou semelhante)
para
"halt -d -f $poweroff $hddown"

Substitua a linha do arquivo /etc/init.d/reboot
reboot -d -f -i
para
reboot -d -f (é so retirar o "-i")

A maquina precisa iniciar o modulo WOL na placa de rede toda vez que for iniciada, então crie um arquivo
/etc/init.d/ethwol com o seguinte conteudo:

#! /bin/bash
ethtool -s eth0 wol g

E de permissão de execução:
$ chmod 755 /etc/init.d/ethwol

Finalmente o comando para ligar a máquina remota:
wakeonlan 01:23:44:55:66:77
Caso não funcione as vezes é preciso mandar por broadcast:
wakeonlan -i 192.168.1.255 01:23:44:55:66:77

Edit de ultima hora 😀

O Amigo Alvaro Figueiredo falou de uma coisa importante que passou desapercebido. É necessario checar se o recurso está habilitado na BIOS da placa mãe para que tudo funcione perfeitamente. Valeu Alvaro!